Metodologia BIM: conheça os conceitos básicos de aplicação

Metodologia BIM: conheça os conceitos básicos de aplicação

A metodologia BIM é uma das inovações mais promissoras dentro do mercado de arquitetura, engenharia e construção.

Durante as revisões dos projetos, vários problemas podem acontecer. Mas como são identificados? Provavelmente você já deve ter ouvido falar sobre a metodologia BIM, capaz de, além de outras praticidades, detectar divergências logo no início do projeto.

Neste artigo, vamos apresentar alguns conceitos da metodologia BIM e como ela pode ajudar no dia a dia do seu projeto.

O que é BIM?

Building Information Modeling (BIM) ou Modelagem de Informação da Construção – em tradução livre – envolve a criação de um modelo digital, integrando todas as etapas e abrangendo todo o ciclo de uma edificação.

Quando implantado, o BIM pode localizar os problemas com antecedência e amenizar muitos dos desafios enfrentados por arquitetos, engenheiros e profissionais da construção.

Conhecer a metodologia BIM mudará a sua visão com as edificações, como funcionam e as formas de construí-los.

Mas antes de conhecer melhor a metodologia  BIM, é bom enfatizar que trata-se de um processo para modelar as informações da construção.

Para aplicar o processo existem diversos software que utilizam a metodologia BIM, um deles é o Autodesk Revit.

O que motivou a criação da metodologia BIM?

Na concepção de uma edificação são criados projetos que utilizam as disciplinas hidráulica, elétrica, paisagismo, administrativos, orçamentos, cronogramas, etc, que são produzidos por diversos profissionais, em escritórios distintos. O que gera inúmeras interações e reuniões para que os projetos se tornem compatíveis.

Mesmo com todo este alinhamento, erros e omissões nos documentos podem acontecer e causar atritos, atrasos e gastos financeiros.

Para evitar estas disfunções, muitas ferramentas foram desenvolvidas, como o uso de tecnologias de tempo-real, portais para compartilhamento de plantas e documentos, e a implementação do CAD 3D.

Embora estes métodos tenham aumentado a troca de informação, eles não diminuíram os riscos dos atritos e muitos desses problemas só são encontrados no final do projeto, o que geralmente resulta em desarmonia com o projeto inicial.

Criado para solucionar problemas

Com um modelo de construção produzido com a metodologia BIM é possível alinhar uma série de dados produzidos por profissionais de diferentes áreas, e que usam diversas ferramenta.

Para citarmos um exemplo, imagine um encanamento previsto pela equipe de engenharia hidráulica, sendo projetado passando por dentro de uma viga do desenho de engenharia estrutural. A aplicação do BIM aponta automaticamente a incoerência.

Ou se for preciso inserir uma janela onde antes estava projetada uma parede fechada, o BIM indica o que será necessário para execução, como por exemplo: quantidade reduzida de tijolos, argamassa ou tinta, etc. Tudo isso vai para o projeto, cronograma e orçamento.

Assim, os problemas que muitas vezes só seriam detectados na fase de execução da obra, podem ser identificados com a aplicação da metodologia BIM logo no início do projeto.

Resultado: redução de erros e modificações em obra, levando a um processo de entrega mais eficiente e confiável.

Isso torna o gerenciamento da construção mais eficaz e com maior controle do cronograma e dos custos.

Benefícios da metodologia BIM

A metodologia BIM pode dar suporte e incrementar muitas práticas da construção, proporcionando benefícios significativos em projetos.

A seguir listamos algumas mudanças que podem ser alcançadas se for utilizado o BIM desde o início do projeto.

  • Aumento da qualidade no desempenho da construção;
  • Diminuição de Reivindicações/Questões Judiciais;
  • Geração de desenhos 2D precisos e consistentes em qualquer etapa do projeto;
  • Redução de Erros e Omissões em Documentos;
  • Redução de Retrabalho;
  • Redução da Duração do Projeto;
  • Redução dos Custos de Construção;
  • Sincronização de projeto e planejamento de construção;
  • Visualizações antecipadas e mais precisas de um projeto.

Agora que você já conhece a metodologia BIM e suas vantagens, tem bons motivos para aplicar o conceito.

Venha conversar com a nossa equipe e faça o planejamento do seu projeto incluindo tudo que você viu neste artigo.

1 Comment

  • Compatibilização de projetos: Qual a sua importância?

    […] como em todas as áreas, aqui a tecnologia também trabalha a favor: utilizando a metodologia BIM é possível executar a análise de compatibilidade de forma segura e […]

  • Comments for this post are closed.